Câncer de Próstata | Fatores de Risco & Prevenção




Fatores de risco para o câncer de próstata

Um fator de risco é algo que afeta sua chance de contrair uma doença como o câncer. Cânceres têm diferentes fatores de risco. Alguns deles, como o tabagismo e exposição à produtos químicos podem ser modificados. Outros, como a idade ou história familiar de uma pessoa, são levados em conta para  iniciar um acompanhamento precoce em cada caso.

É importante deixar claro que o fato de ter um fator de risco, ou mesmo vários, não significa que você vai apresentar a doença. 
Muitas pessoas com um ou mais fatores de risco não nunca manifestarão o câncer de próstata. Os motivos desta “imunidade" ao câncer ainda não são completamente conhecidos e são alvo de muitos estudos científicos.

Pesquisadores descobriram vários fatores que podem afetar o risco de um homem manifestar o câncer de próstata.

Idade
O câncer de próstata é raro em homens com menos de 40, mas a chance de ter câncer de próstata aumenta rapidamente depois de 50 anos de idade .

Raça / etnia
O câncer de próstata ocorre mais frequentemente em homens de raça negra do que nos homens de outras raças. 
Homens de raça negra tem mais do que o dobro da probabilidade de morrer de câncer de próstata, quando comparados aos os homens brancos. Essas alterações estão em investigação mas a causa ainda não é conhecida.
O câncer de próstata ocorre com menos frequência em homens asiáticos, hispânicos / latinos. As razões para estas diferenças raciais e étnicas não são claras até o momento.

Geografia
O câncer de próstata é o mais comum na América do Norte, noroeste da Europa, Austrália e nas ilhas do Caribe. 
É menos comum na Ásia, África, América Central e América do Sul.

Dieta
O papel exato da dieta no câncer da próstata não é clara, mas vários fatores têm sido estudados.
Homens que comem muita carne vermelha ou produtos derivados do leite e de alto teor de gordura parecem ter uma chance um pouco maior de desenvolver câncer de próstata. 
Esses homens também tendem a comer menos frutas e legumes. 
Os médicos não têm certeza de qual desses fatores é responsável por elevar o risco, porém uma associação desses fatores deve contribuir para o surgimento da doença.

Obesidade
Alguns estudos descobriram que os homens obesos podem estar em maior risco de ter câncer de próstata mais avançada e agressivo.

Tabagismo
A maioria dos estudos não encontraram uma ligação direta entre o tabagismo e o câncer de próstata. Contudo, o tabagismo deve ser evitado por todos pois é sabidamente causador de doenças cardiovasculares, pulmonares e outros tipos de câncer.

Exposição a produtos químicos
Há evidências que sugerem que pessoas que tem contato ocupacional com derivados do petróleo (como solventes e tintas por exemplo) estão sob o risco elevado de desenvolverem a doença.

Inflamação da próstata
Alguns estudos sugerem que a prostatite (inflamação da glândula) pode estar associada a um risco aumentado de desenvolver o câncer da próstata. Contudo, outros estudos não encontraram essa ligação. A inflamação é muitas vezes vista em amostras de tecido da próstata que também contêm câncer. A ligação entre os dois ainda não está clara, e é uma área ativa de pesquisa.

Infecções sexualmente transmissíveis
Até o momento, não há conclusões definitivas sobre a relação entre as doenças sexualmente transmissíveis (as DST’s) e o câncer de próstata.

Vasectomia
Alguns estudos têm sugerido que os homens vasectomizados têm um risco ligeiramente aumentado de desenvolver o câncer de próstata. Entretanto, outros estudos não encontraram essa correlação. 
A Investigação sobre esta possível ligação ainda está em curso e é alvo de debates entre urologistas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

No ultrassom de próstata o que significa glândula prostática de ecotextura heterogênea, com calcificações de permeio??

Avanços no sequenciamento de novos tratamentos para o câncer de próstata avançado.

Túlio pergunta: "Após biópsia de próstata quantos dias devo ficar sem ejacular (sem atividade sexual)??"